Saude na Internet    Desde 1998

início > Saúde da mulher > Dieta depois dos 40

Dieta depois dos 40


PUBLICIDADE
Ao constatar que mantendo a mesma dieta e a mesma atividade física não conseguem manter o mesmo peso, as mulheres, após os 40 anos de idade, percebem a necessidade de modificarem hábitos de vida.

Existem significativas diferenças de sobrecarga ponderal entre homens e mulheres.

As mulheres apresentam um ganho de peso de dois quilos em média a cada dois anos de vida.

Isso porque a composição corporal se altera com uma queda acentuada de massa muscular e acréscimo de massa gordurosa.

Ocorrendo redução na secreção na hipofisária do hormônio do crescimento (GH), isso levaria a uma redução da lipólise e da síntese durante o processo de envelhecimento.

Outro consenso seria alterações nos hormônios tiroidanos, bem como a queda na produção ovariana de estrógeno, responsável por todos os desconfortos na mulher, na fase da menopausa.

O padrão de distribuição é mais importante do que a quantidade total de gordura corporal.

A distribuição glúteo-femural de gordura é mais comum nas mulheres e isso se deve a necessidade de proteção dos nossos órgãos.

Ao contrário da gordura abdominal que eleva o risco de diabetes Mellitus, de doenças cardiovasculares, de hipertensão, de dislipidemias, de gota e alguns tipos de câncer (colorretal, colo, vesícula, ovário e mama).

O aumento na ingesta de alimentos hipercalóricos devido a uma acomodação ou redução na atividade física precisam ser modificados no sentido de se criarem hábitos mais saudáveis.

A dieta hipocalórica e atividade física elevam o dispêndio energético diário, promovem aumento de massa muscular e queda nos percentuais de gordura corporal.

Além de se evitar ganho excessivo de peso, o importante é aceitar e saber se adaptar as mudanças fisiológicas do organismo buscando equilíbrio e harmonia através de hábitos saudáveis como a reeducação alimentar e a prática de: hidroginástica, caminhadas, musculação, ginástica localizada, natação etc.

PUBLICIDADE


PUBLICIDADE

Publicado em: 01/04/2003. Última revisão: 01/03/2015
 COLABORADORES 

Dra. Elizabeth Vilhena é nutricionista e psicóloga, especializada em nutrição clínica e esportiva e consultora do Jornal do Brasil, de O Globo e de academias no Rio de Janeiro.
todos artigos publicados